Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Vimioso cria novo produto turístico: “Lançar a Manta”

O turista aluga uma manta, recebe informação sobre os locais georreferenciados onde pode “lançar a manta”, disfrutar de uma bela merenda e descarregar no telemóvel um storyboard para interpretar e compreender tudo o que o rodeia, a fauna e a flora.

1.654

Publicidade

As mantas de farrapos são peça fundamental em todas as casas transmontanas, muito associadas aos trabalhos agrícolas, porque a meio da jornada de trabalho, são estendidas e sobre elas disposta a merenda. Depois da merenda comida, a manta serve ainda para alguns momentos de descanso, antes de regressar ao trabalho.

São peças artesanais, construídas com sobras de diversos tecidos, que depois de cortados em tiras, tantas vezes juntas com nós, se enrolam de maneira a fazer novelos e poderem ser trabalhadas nos teares tradicionais, ainda bem presentes no concelho de Vimioso.

Esta peça artesanal, apesar da sua enorme utilidade, não era considerada uma peça de valor, mas o município de Vimioso acredita que, não só lhe vai reconhecer o devido valor, como pode fomentar o seu uso com a criação de um novo produto que vai complementar a oferta turística do concelho ligada à natureza. E o produto consiste na disponibilização da manta para aluguer, recebendo o visitante informação sobre diversos locais considerados mais apropriados e ricos do ponto de vista da paisagem e biodiversidade, para que a experiência possa ser mais interessante. Os locais escolhidos estão georreferenciados, facilitando o acesso mesmo para quem não tem nenhum conhecimento geográfico do território, tem informação escrita, para quem quiser usar a manta para se sentar e aproveitar para ler, ou então, simplesmente deitar-se e ouvir um storyboard gravado, passível de ser descarregado num telemóvel.

Claro que as mantas, que os agricultores associam às merendas, as famílias que não se dedicam à agricultura sempre usaram para os piqueniques, por essa razão o município quer incentivar os estabelecimentos do sector, restauração e similares a criar o serviço de preparação de piqueniques, feitos à base de produtos regionais.

Para já foram identificados, e produzida informação especifica, oito locais, de diversos pontos do concelho: Castelo de Algoso, PINTA, Atalaia, Parque de Merendas de Pinelo, São Bartolomeu de Argozelo, São Joanico, Parque de Merendas de Angueira e Cabanais de Caçarelhos, Capela de Santa Bárbara.

O levantamento da manta por parte do turista faz-se no PINTA e ou unidades hoteleiras e de restauração aderentes, pressupondo uma caução (20€) ou documento de identificação.

A manta pode também ser usada pelos turistas nos percursos pedestres do concelho de Vimioso, todos eles passam por locais de paisagens deslumbrantes onde apetece “lançar a manta”, contemplar e sentir a tranquilidade que estes locais podem proporcionar.

Publicidade

Fonte desta notícia: Município de Vimioso

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade