Informativo Digital do Nordeste Transmontano

“Uma árvore pela floresta” junta CTT e Quercus pelo sétimo ano consecutivo

Os kits vendidos são convertidos em árvores e arbustos de espécies autóctones, como o freixo, o sobreiro, a azinheira, o medronheiro, ou o castanheiro, entre muitas outras, que serão plantadas em Áreas Protegidas e Zonas Classificadas na primavera de 2021.

0 917

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Publicidade

Está de volta a campanha de reflorestação “Uma Árvore pela Floresta”. Pelo sétimo ano consecutivo, os CTT e a QUERCUS voltam a ser parceiros nesta iniciativa que tem como objectivo permitir que todos possam participar ativamente na plantação de espécies autóctones em Áreas Protegidas e Zonas Classificadas do nosso País, em particular nas zonas mais afetadas pelos incêndios.

Na edição de 2020 está à venda um novo kit, o Fraxinus angustifolia ou o freixo-nacional, que pode ser adquirido por 3,50 euros e até 31 de Dezembro, em 300 Lojas CTT espalhadas por todo o País, e também, durante todo o ano e com portes grátis, na Loja Online em www.ctt.pt

O novo kit “Uma Árvore Pela Floresta” possui também um QR Code, com uma mensagem sonora que disponibiliza notícias e instruções para o registo do kit no site www.umaarvorepelafloresta.quercus.pt , para que saiba onde a sua árvore vai ser plantada e para o caso de querer ser voluntário nas plantações a realizar.

Os kits vendidos são convertidos em árvores e arbustos de espécies autóctones, como o freixo, o sobreiro, a azinheira, o medronheiro, ou o castanheiro, entre muitas outras, que serão plantadas em Áreas Protegidas e Zonas Classificadas na primavera de 2021, com a participação ativa de todos os voluntários que se inscreverem no website ou através do email voluntarios@quercus.pt.

Este é um ano especial porque, com o contributo de todos, estamos prestes a atingir as 100 mil árvores plantadas. Por outro lado, devido à pandemia que a todos afeta, as plantações previstas para esta nova campanha incluirão também as 8.000 árvores que não puderam ser plantadas em março de 2020. Todas as plantações são organizadas no terreno pela QUERCUS, em colaboração com o ICNF – Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas“, lê-se num comunicado de imprensa distribuído pelos CTT.

João Bento, CEO dos CTT, salienta  0 orgulho dos CTT se voltarem a associar à QUERCUS na iniciativa Uma Árvore pela Floresta. “Somos parceiros desde a primeira edição, no âmbito da nossa política de sustentabilidade, e fazemos uso da forte capilaridade da rede dos CTT e da proximidade aos portugueses para ajudar à reflorestação das zonas afetadas pelos incêndios em Portugal, uma vez que a QUERCUS irá plantar uma espécie autóctone por cada kit vendido, em zonas classificadas e áreas ardidas. É de louvar a adesão dos portugueses em edições anteriores e apelamos novamente à participação de todos, quer através de 400 das nossas lojas físicas quer na loja online”, disse o CEO dos CTT

Já Paula Nunes da Silva, presidente da QUERCUS, salientou a situação atual que atravessa o país, com temperaturas muito elevadas e propícias a incêndios. “Numa altura em que o país se prepara de novo para o drama dos incêndios e em que o planeta se debate com o perigo claro e urgente das Alterações Climáticas, projetos como “Uma Árvore pela Floresta” são de enorme importância porque permitem aos cidadãos participar ativamente e contribuir para a proteção da biodiversidade e dos ecossistemas do nosso país e do Sistema Terra”.

Através desta parceria com a QUERCUS e os CTT reforçam a sua política de apoio à biodiversidade e de combate às alterações climáticas, expressa através dum portefólio ecológico ou carbonicamente neutro (Correio Verde, DM Eco e Expresso/Encomendas), da aposta na eficiência energética e carbónica, e da expansão da sua frota sustentável, a maior do país, os quais permitiram aos CTT reduzir a sua pegada carbónica em 64% entre 2008 e 2019.

Publicidade

Fonte desta notícia: Nota de Imprensa CTT
Comentários
carregar...

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade