Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Seixo de Ansiães vai acolher o novo Núcleo Museológico do Museu da Memória Rural

O Núcleo Museológico do Ferreiro e do Ferrador irá ainda recolher testemunhos orais e memórias históricas de lendas e orações associadas às ferraduras e sua simbologia e mitologia, assim como incorporar antigas recolhas relacionadas com o saber fazer tradicional, associados ao antigos ofícios de ferreiro e ferrador.

656

Publicidade

O Município de Carrazeda de Ansiães vai ampliar o Museu de Memória Rural com a construção, na aldeia de Seixo de Ansiães, de mais um Núcleo Museológico dedicado ao ofício do Ferreiro e do Ferrador. Este projeto na área da musealização e turismo, tem como objetivo a preservação do património cultural material e imaterial da região, anunciou autarquia duriense.

O novo Núcleo Museológico, desta vez dedicado ao oficio do Ferreiro e do Ferrador, além de albergar um vasto espólio, e de recriar uma oficina de ferreiro vai ainda abordar contextualmente aspetos relacionados com elementos patrimoniais de elevado interesse, como são os cinco núcleos de insculturas rupestres conhecidos no concelho e popularmente conhecidas como “fragas das ferraduras”.

O Núcleo Museológico do Ferreiro e do Ferrador irá ainda recolher testemunhos orais e memórias históricas de lendas e orações associadas às ferraduras e sua simbologia e mitologia, assim como incorporar antigas recolhas relacionadas com o saber fazer tradicional, associados ao antigos ofícios de ferreiro e ferrador.

Projeto do novo núcleo museológico

Aqui vão ser expostos objetos que aliados a conteúdos multimédia vão evocar essas duas ocupações permitindo ao visitante uma fácil interpretação e visualização dos materiais expostos.

Este novo espaço será o quinto núcleo temático do Museu da Memória Rural, que vem juntar-se ao Núcleo Museológico do Azeite, na aldeia da Lavandeira, Núcleo Museológico da Telha, em Luzelos, Moinho de Vento, em Carrazeda de Ansiães e os Moinhos de Rodízio em Vilarinho da Castanheira.

Trata-se de um novo equipamento museológico, com o seu principal objetivo, desenvolver a atividade turística e criar mais oferta cultural“, informou a autarquia duriense.

Publicidade

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade