Categorias: Mirandela

Quercus atribui “Bandeira de Ouro” a duas praias de Mirandela

Praias fluviais Dr. Albino Mendo (Mirandela) e Quintas (Vale de Gouvinhas) distinguidas pela primeira vez com a Bandeira de Qualidade de Ouro pela Quercus por apresentar, durante cinco anos consecutivos, excelentes condições na qualidade da água.

O galardão foi atribuído pela Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, que pretende com este prémio realçar e distinguir todas as praias que apostam e privilegiam a qualidade da sua água.

De acordo com os critérios definidos em 2021, para receber a classificação de “Praia com Qualidade de Ouro”, a água balnear tem de ter qualidade  “excelente” nas últimas cinco épocas balneares de 2016 a 2021 e todas as análises realizadas na última época balnear (2020) deverão ter apresentado resultados melhores que os valores definidos para o percentil 95 do anexo I da Diretiva relativa às águas balneares; isto é, para águas costeiras e de transição, todas as análises deverão apresentar valores inferiores a 100ufc/100ml para os Enterococos intestinais e inferiores a 250ufc/100ml para a Escherichia coli, e para águas interiores, 200ufc/100ml e 500ufc/100ml, respectivamente. É também exigido que na última época balnear (2020), não tivesse ocorrido qualquer tipo de ocorrência/aviso de desaconselhamento da prática balnear, proibição da prática balnear e/ou interdição temporária da praia.

Praia Dr. Albino Mendo duplamente distinguida em 2021
A praia Dr. Albino Mendo, situada em pleno centro urbano de Mirandela, verá hasteada em 2021 duas bandeiras sinónimo de qualidade: Bandeira Azul, atribuída pelo terceiro ano consecutivo pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), e agora com a Bandeira de Qualidade de Ouro, conferida pela Quercus.

Este ano, a grande novidade neste espaço de lazer mirandelense, que tem conquistado visitantes de vários pontos do país, passa pela criação de condições de acessibilidades para pessoas com mobilidade reduzida, quer no acesso à praia, quer no acesso à água.

Estratégia do executivo municipal promove procura turística no concelho
Para continuar a acompanhar da crescente procura turística no interior do país, a autarquia tem em execução o seguimento do projeto de requalificação das áreas balneares de Quintas (Vale de Gouvinhas) e de Vale de Juncal (Abambres). Também o espaço ribeirinho de Miradeses (Vale de Salgueiro) será intervencionado, como o açude aí existente, sendo este investimento feito em parceira com o Município de Valpaços.

Em processo de designação como zonas balneares, já submetido pela Câmara Municipal à Agência Portuguesa do Ambiente (APA), a qualidade das águas balneares da aldeia de Frechas e da Ponte da Pedra (Torre de Dona Chama) encontram-se em monitorização, sendo exigido, pela APA, um histórico positivo de análises durante um período mínimo de 3 anos.

Para estes dois locais encontra-se aprovado um investimento de cerca de 550 mil euros, cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) a 80%, que engloba ainda um Parque de Autocaravanas na cidade e a criação de uma pista de pesca desportiva.

Comentar