Informativo Digital do Nordeste Transmontano

Protocolos permitem à autarquia investir um milhão de euros em várias obras nas freguesias

Os protocolos para as várias empreitadas foram assinados esta tarde nos Paços do Concelho de Macedo de Cavaleiros entre o presidente da autarquia e os presidentes de Junta e União de Freguesia onde vão ser executados estes trabalhos

0 88

A Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros assinou esta tarde um conjunto de protocolos com 21 freguesias e uniões de freguesia do concelho com vista à realização de diversas empreitadas ao longo deste ano. “No global, em sede de Orçamento Municipal, reservamos uma verba na ordem de um milhão de euros, num esforço para melhorar as condições de vida dos macedenses e tornar o território mais atrativo para quem nos visita”, salienta Benjamim Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros.

Há trabalhos fulcrais e que não podiam ser mais adiados, pelo que ao definir o Orçamento para 2020 o Executivo Municipal fez um esforço para dotar uma verba generosa para estas empreitadas”, sustenta o presidente da câmara. Benjamim Rodrigues explica ainda que “a execução dos trabalhos será assegurada nuns casos pela própria autarquia, noutros pelas juntas de freguesia, mas sempre pagos pela Câmara Municipal”.

Para 2020 o autarca aponta dois projetos de maior dimensão inseridos nos protocolos agora assinados. “Vamos proceder à abertura da estrada entre o Lombo e Balsamão, uma reivindicação antiga das populações, numa empreitada onde estimamos investir cerca de 200 mil euros”, assevera. “Vamos também proceder à pavimentação da estrada municipal que liga Vilar do Monte à EN 102, numa empreitada global orçada em cem mil euros”, acrescenta.

Já em Carrapatas será construída uma Casa Mortuária, estimando a autarquia investir cerca de 62 mil euros. Depois, frisa Benjamim Rodrigues, “estão orçamentados trabalhos de melhoria de arruamentos em vários locais como Vila Nova da Rainha, Fornos de Ledra, Limãos, Podence e Vinhas, entre outras”.

A Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros pretende ainda proceder à ampliação dos cemitérios de Arcas (20 mil euros), de Grijó (10 mil euros), de Podence (25 mil euros), de Ferreira (10 mil euros) e do Brinço (8 000 euros).

Acreditamos que são obras fundamentais para a população e, também por isso, para as pessoas perceberem o que vai ser feito nas suas terras, em breve vamos fazer chegar mais informação à casa de cada munícipe, para que percebam que o Executivo está atento às suas necessidades e reivindicações”, frisa Benjamim Rodrigues.

Os protocolos para as várias empreitadas foram assinados esta tarde nos Paços do Concelho de Macedo de Cavaleiros entre o presidente da autarquia e os presidentes de Junta e União de Freguesia onde vão ser executados estes trabalhos.

Publicidade

Comentários
carregar...

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade