Informativo Digital

Projecto de arquivo particular salva mais de 100.000 registos fotográficos antigos

É um projecto particular que teve a sua materialização no Núcleo Museológico da Fotografia do Douro Superior. Neste espaço, da iniciativa do professor Arnaldo Silva, guardam-se mais de 100.000 registos fotográficos.

São documentos de imagem fundamentais para o estudo da história contemporânea da região. Os registos mais antigos remontam aos primórdios da fotografia, e alguns deles estão datados de 1884.

O projecto tem sido conquistado aos poucos pela vontade e iniciativa de Arnaldo Silva que recuperou a casa de um antigo fotógrafo dentro do Centro Histórico de Torre de Moncorvo onde montou um espaço físico para guardar um antigo arquivo de imagem. A iniciativa tem sido levada a cabo sem quaisquer subsídios ou apoios institucionais.

Apesar de ser um espaço de arquivo e de divulgação da história local e regional que foi constituído sem quaisquer apoios, Arnaldo Silva considera que tal facto não é um entrave ao desenvolvimento do seu trabalho, que, faz questão de sublinhar, partilha com toda a comunidade.

O interior do espaço museológico apresenta ainda um conjunto de painéis alusivos aos movimentos populacionais, população agrícola, à cultura da amendoeira, ao gado ovino, produção de vinho, caminhos de ferro e à actividade da Ferrominas.

Publicidade

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade