Informativo Digital

Portaria aprova o regulamento eleitoral da Casa do Douro e marca eleições para o dia 16 de maio de 2020

Foram designados como presidente da comissão eleitoral da Casa do Douro, Gilberto Paulo Peixoto Igrejas, e como vogais da comissão eleitoral, Carla Maria Gonçalves Alves Pereira e Agostinho Gonçalves Alves da Santa, que não auferirão qualquer tipo de remuneração pelo exercício das funções para as quais foram designados

816

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A Casa do Douro, recentemente reinstitucionalizada pela Lei n.º 73/2019 , já possui um regulamento eleitoral, o que permite proceder à marcação da data das eleições para os delegados municipais do conselho geral e para a direção da instituição duriense.

A Casa do Douro tem agora um novo sistema de representação dos viticultores, com dois órgãos distintos, o conselho geral e a direção, cujos membros são objeto de eleição direta pelos associados. A Portaria n.º 53-A/2020 , de 28 de fevereiro, vem aprovar o seu regulamento eleitoral e designar a comissão eleitoral  para proceder à marcação das datas relativas ao processo eleitoral.

Foram designados como presidente da comissão eleitoral da Casa do Douro, Gilberto Paulo Peixoto Igrejas, e como vogais da comissão eleitoral, Carla Maria Gonçalves Alves Pereira e Agostinho Gonçalves Alves da Santa, que não auferirão qualquer tipo de remuneração pelo exercício das funções para as quais foram designados.

Este documento legal também estabelece a data de 16 de maio de 2020 para a realização das primeiras eleições para os delegados municipais do conselho geral e para a direção da Casa do Douro reinstitucionalizada.

Publicidade

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade