Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Os Prémios VinDuero-VinDuouro deram a conhecer os melhores vinhos de Espanha e Portugal

O certame que elege os melhores vinhos de Espanha e Portugal publicou a lista oficial com o palmarés 2021 general e em Feminino. Almares branco 2017 do produtor Caves da Cerca é o melhor vinho de Espanha e Portugal. O melhor vinho de ambos os lados da fronteira em Feminino é Justino’s Madeira Colheita 1998 do produto Justino’s Madeira Wines de la DOC Madeira.

440

Publicidade

Com 99,00 pontos, a roçar a unanimidade plena do júri, o vinho Almares Branco 2017 do produtor Caves da Cerca produzido na região de Vinhos Verdes mereceu a máxima distinção outorgada pelos Prémios VinDuero-VinDouro: o Grande Arribe Ouro.

Almares és um vinho branco com sabor exuberante e complexo, com aromas predominantes a frutas tropicais e com algumas notas florais. Este vinho é produzido com uvas brancas da variedade Alvarinho cultivadas na região de Amarante.

Na edição dos Prémios Vinduero Vindouro em Feminino, o melhor vinho segundo a apreciação das mulheres que compõem o Comité de Prova é o vinho generoso Justino’s Madeira Colheita 1998. Um vinho produzido na DOC Madeira pelo produtor Justino’s Madeira Wines. Pode dizer-se que as provadoras se renderam a um vinho quase perfeito, prova disso foram os 99,73 pontos que lhe foram atribuídos, ficando a centésimas dos tão difíceis de conseguir 100 pontos.

Este vinho, obtido com uvas da casta Tinta Negra, possui uma atrativa e brilhante cor âmbar escuro médio. Quanto aos aromas, são elegantes, agradáveis e complexos com notas de melaço, creme brulée e noz. Rico em boca com notas de bolo de frutas secas, laranja cristalizada e caramelos de frutas.

Depois de XVII edições, V em Feminino, os Prémios VinDuero-VinDouro consolidam-se entre os grandes certames internacionais, convertendo-se, pelo rigor e qualidade, numa referência para conhecer, ano após ano, os melhores vinhos de Espanha e Portugal.

Apesar das dificuldades originadas pela crise sanitária, os prémios mantiveram as suas taxas de inscrição em relação ao ano 2020. No total, o júri composto por mais de 80 provadores e provadoras de prestígio internacional, avaliaram mais de 900 vinhos, distribuídos em onze categorias: espumantes e cavas, vinhos brancos sem envelhecimento, vinhos brancos com envelhecimento, vinhos rosés, vinhos tintos sem envelhecimento, vinhos tintos com envelhecimento até 6 meses, vinhos tintos com envelhecimento entre 6 e 14 meses, vinhos tintos com envelhecimento superior a 14 meses, vinhos generosos, vinhos de autor e vermutes.

Publicidade

Fonte desta notícia: VinDuero-VinDuouro

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade