Informativo Digital do Nordeste Transmontano

Mogadouro vai investir 340 mil euros na recuperação de dois sítios arqueológicos

Dos 340 mil euros agora obtidos, cerca de 85% provém do Programa Operacional Norte. O projecto visa valorizar o Castelo dos Mouros e o Castelo de Oleiros.

0 562

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A autarquia de Mogadouro vai dispor de 340 mil euros para recuperar dois sítios arqueológicos, o Castelo dos Mouros e o Castelo de Oleiros.

O Castelo dos Mouros, em Vilarinho dos Galegos, já foi objecto de intervenções arqueológicas anteriores com vista ao seu estudo e valorização patrimonial.

Dos 340 mil euros agora obtidos, cerca de 85% provém do Programa Operacional Norte. O projeto visa valorizar os dois locais arqueológicos e criar uma componente de divulgação didáctica e interativa, constituída pela criação e concepção de painéis e aplicações para telemóveis e tablets.

Os painéis interactivos destinam-se a criar discursos explicativos da evolução histórica de cada um dos sítios arqueológicos.

Segundo o vice-presidente da câmara de Mogadouro, Evaristo Neves, em declarações à Lusa, essa componente “permitirá aos visitantes percorrer estes sítios arqueológicos sem serem necessários guias, devido à forte componente interactiva que está ser desenvolvida pelo IPB”.

Publicidade

Comentários
carregar...

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade