Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Mirandela apresenta publicamente a sua primeira marca territorial

O Município de Mirandela apresenta publicamente no próximo dia 24 de junho a sua primeira marca territorial, durante uma sessão que decorrerá no Grande Auditório do Centro Cultural de Mirandela, às 18 horas.

848

Publicidade

Criada pela Studio Eduardo Aires, a marca pretende ser um instrumento de coesão, desenvolvimento e promoção de todo o concelho, abrindo uma nova era na comunicação estratégica do território.

Eduardo Aires é um dos mais reputados designers portugueses, tendo sido diversas vezes internacionalmente premiado pelos seus trabalhos na área do branding. A sua experiência profissional remonta a 1987 e revela, desde então, uma abordagem multidisciplinar ao universo do design. Entre os clientes do Studio Eduardo Aires contam-se empresas e instituições como a Herdade do Esporão, a Imprensa Nacional – Casa da Moeda, os CTT Correios de Portugal ou a Fundação Calouste Gulbenkian, que atestam da amplitude dos projetos e disciplinas que se têm cruzado sob a sua direção artística. Em 2019 dirigiu o projeto selecionado para o rebranding do Grupo Amorim, líder mundial no sector da cortiça. No domínio do branding territorial, o seu projeto mais reconhecido é o da imagem da cidade do Porto, reconhecido internacionalmente.

O branding territorial é visto como fundamental pelo atual executivo municipal, pois permitirá criar uma narrativa de atração turística, de investimento industrial e de divulgação dos produtos da terra e da produção artística local, essencial à afirmação do território de Mirandela. Sem desperdiçar o capital já adquirido por outros “claims” regionais, como “Terra Quente” ou “Pérola do Tua”, a nova marca inclui-se nas cores, nos produtos e no património de Mirandela, afirmando o seu território como sendo o centro da Região.

O desenvolvimento da marca insere-se numa estratégia mais vasta de criação de políticas públicas transversais, capazes de capacitar todo o concelho, incluindo as várias freguesias, o mundo rural, industrial, comercial, mas também cultural e social.

Apontámos para o presente mandato vários objetivos de apoio às populações, mas também ao setor económico, que necessitava deste instrumento que, seguramente, irá ajudar a impulsionar as nossas empresas, marcas e produtos”, afirma Júlia Rodrigues, presidente da autarquia. “O mandato que terminou em 2021 foi muito condicionado pelas limitações financeiras que encontrámos no Município e que ultrapassámos com sucesso, mas também pela pandemia, que limitou muito daquilo que poderia ter sido o crescimento económico e social do concelho entre 2019 e 2021. Mas, agora, podemos, finalmente, ter uma perspetiva mais expansionista e fazer uso de fundos comunitários a que nos candidatamos, do instrumento chamado PRR, mas também deste tipo de ferramentas do marketing territorial”, esclarece.

Para a Câmara Municipal de Mirandela, os próximos anos podem, por isso, ser os primeiros de uma estratégia mais vasta, consolidando políticas e cumprindo uma agenda de desenvolvimento com um horizonte que vai além do mandato, e que culmina em 2030.

Esta agenda, ajudará a transformar o território central da região do Tua num polo de atração de investimento, mas também de melhoria de indicadores de qualidade de vida e desenvolvimento social dos que habitam a terra, invertendo a curva de perda demográfica que dura há décadas.

A marca Mirandela não pode ser um instrumento desligado de uma estratégia muito mais vasta e, por isso, ela surge numa altura em que sentimos existirem as condições para a começar a aplicar, envolvendo todos os setores da nossa sociedade”, refere a presidente da autarquia, acrescentando, “tivemos o cuidado de procurar articular a estratégia e o desenvolvimento desta marca com a oposição, pois acreditamos que se trata de um valor municipal que deve ser duradouro e inclusivo e não de qualquer ato de mera propaganda política. Contamos, por isso, com todos nesta estratégia, sem exceção e sem conotações”, conclui.

Publicidade

Fonte desta notícia: Município de Mirandela

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade