Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Matriz de Torre de Moncorvo tem em curso projeto de conservação e restauro

Igreja Matriz de Torre de Moncorvo: Conservação e restauro das pinturas murais da capela-mor. Esta intervenção insere-se no âmbito de uma candidatura para requalificação e valorização da Igreja Matriz de Torre de Moncorvo, com um valor global de 204.900,00 euros.

448

Publicidade

A capela-mor da Igreja Matriz de Torre de Moncorvo possui uma pintura integral, sobre granito na abóbada de berço, cornija, arco cruzeiro e enxalços dos vãos, e sobre reboco nas paredes. O conjunto pictórico denota o resultado do mau estado de conservação do edifício, particularmente as pinturas sobre reboco dos alçados.

A degradação resultou sobretudo de infiltrações de águas pluviais, provenientes quer das coberturas, quer dos vãos. As intervenções realizadas no edifício pela Direção Regional de Cultura do Norte, nos últimos anos, atuaram sobre as referidas causas de degradação. Agora, os trabalhos constarão, genericamente, de estabilização do suporte e revestimentos pictóricos.

Esta empreitada foi objeto de consulta prévia tendo sido efetuada a adjudicação à empresa Intonaco, Conservação e Restauro pelo valor de 56.780,00 euros, a que acresce a taxa de IVA.

A obra iniciou-se ainda no passado mês de Dezembro de 2021, com a execução dos trabalhos preparatórios de análise e diagnóstico, encontrando-se já a decorrer a intervenção de conservação e restauro das pinturas.

Esta intervenção insere-se no âmbito de uma candidatura para requalificação e valorização da Igreja Matriz de Torre de Moncorvo, com um valor global de 204.900,00 euros, apresentada pela Direção Regional de Cultura do Norte ao Aviso 2020-87 – Património Cultural do programa NORTE 2020. Esta candidatura inclui também uma empreitada de “Reabilitação do alpendre sul e das portas da Igreja matriz de Torre de Moncorvo” e uma intervenção de “Mapeamento das deteriorações da pedra existentes nos portais da igreja”, ações que se iniciarão durante o ano de 2022.

A Igreja matriz de Torre de Moncorvo encontra-se classificada como Monumento Nacional pelo Decreto de 16-06-1910 e, sendo propriedade do Estado Português, encontra-se afeta, para efeitos de gestão e abertura ao público, à Direção Regional de Cultura do Norte.

Publicidade

Fonte desta notícia: DRCN

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade