Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

“Matinés ao Domingo”para refrescar o verão de Bragança

Matinés ao domingo, congregam pelo 6.º ano consecutivo, miúdos e graúdos no jardim do Museu do Abade de Baçal em Bragança.

1.234

Publicidade

O evento “matinés ao domingo” é organizado pela produtora independente Transmontana “Dedos Bionicos” e pela Associação Aldeia, que luta pela conservação da natureza e pela preservação da cultura e tradições rurais.

O resultado desaguou nas tardes domingueiras que vão animar o Verão de Bragança, com concertos para todos os gostos, oficinas práticas e jogos pedagógicos para os mais pequenos mas também para os mais graúdos. Tudo nos jardins do Museu Abade de Baçal, uma instituição cultural da cidade bem conhecida de todos.

A edição de 2022 já tem o programa completo e o cardápio musical, conta com o francês radicado no México e apaixonado pela guitarra, Ryder the Eagle, com a folk rebelde de aroma asturiano de Pablo Und Destruktion, a mestria clássica no violino de Matilde Loureiro, os mais de 10 idiomas no Ukulele e na voz de Rita Braga, o esplendor atmosférico de Garcia da Selva, o rock catarse à seria dos Baleia Baleia Baleia, o post-rock transmontano dos SilverBomb, a new wave pura de Pós-Saudade, o trilho exploratório de Valério Coelho e por fim a pop experimental dos Fumo Ninja.

As oficinas práticas vão da cianotipia à astronomia e a novidade deste ano são os jogos pedagógicos que convidam as famílias à exploração numa viagem lúdica pelos mais clássicos e intemporais jogos tradicionais Portugueses.

Publicidade

Fonte desta notícia: Dedos Bionicos

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade