Informativo Digital

Já há luz verde da Comissão Europeia para meganegócio das barragens durienses

A Comissão Europeia aprovou, ao abrigo do Regulamento das Concentrações da UE, a aquisição de seis centrais hidroelétricas em Portugal pelas empresas ENGIE, Mirova e Prédica, todas sediadas em França. As centrais elétricas são atualmente propriedade da empresa portuguesa do setor da energia EDP.

805

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Já há luz verde da Comissão Europeia (CE) para o meganegócio das barragens construídas no rio Douro ou nos seus afluentes. No total são seis as hidroelétricas que vão ser transacionadas com um consórcio de empresas francesas composto pela Engie, Mirova e Crédit Agricole. Segundo a CE a operação não afeta a concorrência na UE.

A Comissão Europeia aprovou, ao abrigo do Regulamento das Concentrações da UE, a aquisição de seis centrais hidroelétricas em Portugal pelas empresas ENGIE, Mirova e Prédica, todas sediadas em França. As centrais elétricas são atualmente propriedade da empresa portuguesa do setor da energia EDP.

A ENGIE é uma empresa do setor da energia ativa no fornecimento de gás e eletricidade, a Mirova é uma sociedade gestora de ativos e a Prédica opera no setor dos seguros de saúde e de vida. Por tais motivos, a “Comissão concluiu que a concentração prevista não suscitaria preocupações em matéria de concorrência devido ao seu impacto limitado no mercado. A operação foi examinada no âmbito do procedimento simplificado de controlo das concentrações”, refere um comunicado da CE.

As barragens que fazem parte deste negócio de 2.210 milhões de euros são as localizadas na bacia hidrográfica do rio Douro, com uma capacidade de produção energética contabilizada em 1.689 megawatts. Deste conjunto fazem parte as produções das barragens de Miranda, Bemposta e Picote, no rio Douro, a Barragem de Foz Tua e no Sabor as barragens do Baixo Sabor e Feiticeiro.

Publicidade

Fonte desta notícia: Foto: © A Terceira Dimensão

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade