Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Fins de semana gastronómicos arrancam com três dias dedicados à castanha

De 12 a 14 de novembro quem se deslocar a Macedo de Cavaleiros é convidado a experienciar inúmeros pratos baseados na castanha, produto com elevada produção na região transmontana. Segue-se, entre 10 e 12 de dezembro, o Fim-de-Semana Gastronómico do Azedo, um dos produtos do fumeiro transmontano, feito à base da massa de alheira, mas sem o alho

292
thumbnail_Macedo - Fins-de-semana Gastronómicos

Seis meses. Seis fins de semana. Seis produtos típicos do Município de Macedo de Cavaleiros. É este o mote para os fins de semana gastronómicos macedenses que arrancaram já a 12 de novembro com três dias dedicados a ementas onde a castanha é a rainha. Cerca de duas dezenas vão participar neste evento que o presidente da Câmara de Macedo de Cavaleiros descreve como “uma exaltação da gastronomia regional”. “Somos conhecidos pelo bem receber e bem servir e este fim de semana dedicado à castanha será mais uma oportunidade de quem nos visita comprovar como se come bem aqui”.

Benjamim Rodrigues explica que esta iniciativa “procura promover um segmento de turismo onde temos um potencial imenso”. “O Turismo Gastronómico é mais uma das vertentes que pode levar o nome de Macedo de Cavaleiros além-fronteiras, ao mesmo tempo que se constitui como mais uma forma de ajudar a dinamizar a economia local”, salienta ainda.

De 12 a 14 de novembro quem se deslocar a Macedo de Cavaleiros é convidado a experienciar inúmeros pratos baseados na castanha, produto com elevada produção na região transmontana. Segue-se, entre 10 e 12 de dezembro, o Fim-de-Semana Gastronómico do Azedo, um dos produtos do fumeiro transmontano, feito à base da massa de alheira, mas sem o alho. “O azedo é mais um daqueles produtos que mostra como antigamente tudo se aproveitava e pouco ou nada se desperdiçava na gastronomia transmontana”, explica Benjamim Rodrigues.

Já em 2022, no fim de semana de 14 a 16 de janeiro, quem visitar o concelho de Macedo de Cavaleiros pode provar mais especialidades transmontanas: as casulas e o butelo. Trata-se da tradicional gastronomia de Inverno em Macedo de Cavaleiros, que combina o butelo, um enchido feito com ossinhos do espinhaço e costela de porco, com as casulas, um feijão seco com casca que, depois de demolhado durante várias horas, é cozido juntamente com o enchido, na água da segunda cozedura deste.

De 27 a 30 de janeiro, realiza-se a Rota do Javali, no qual este concelho tem para oferecer um prato especial e devidamente certificado: o Javali no Pote à Moda de Macedo de Cavaleiros. Entre os dias 25 de fevereiro e 1 de março, aproveitando o período do Entrudo Chocalheiro, que se assinala no primeiro dia do mês de março, decorre o Festival do Grelo, produto com uma importância muito grande na gastronomia local.

Por fim, esta edição dos fins de semana encerra com o “Cabrito à mesa”, que se irá realizar entre os dias 15 e 17 de abril. “É mais uma excelente oportunidade para virem conhecer Macedo de Cavaleiros e experimentar o que de melhor a nossa gastronomia tem para oferecer”, conclui Benjamim Rodrigues, que assim deixa o convite a todos quantos queiram visitar o concelho.

Publicidade

Fonte desta notícia: Município de Macedo de Cavaleiros

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade