Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Festival Improvável passa este fim-de-de semana por Vale de Prados

O Festival Improvável tem uma forte componente de envolvimento da comunidade local na conceção de projetos artísticos originais, pretendendo contribuir para a conservação e valorização do património e, paralelamente, para aumentar a respetiva visibilidade e o turismo cultural nas Terras de Trás-os-Montes.

578

É já no próximo Sábado, 13 de agosto que terá lugar mais um evento no âmbito do Festival Improvável. O evento terá lugar no Pelourinho de Vale de Prados, Macedo de Cavaleiros, classificado como Imóvel de Interesse Público. A agenda contempla, a partir das 17h30, uma visita teatral ao Pelourinho, acompanhada pelo ator Pedro Almeida e um projeto artístico dinamizado pela Associação Cultural Nuvem Voadora, envolvendo a comunidade local. O dia encerrará com um concerto de Rita Redshoes.

Organizado em rede e adotando uma abordagem contemporânea e inovadora, o Festival Improvável envolve um conjunto alargado de eventos culturais junto de elementos patrimoniais distintivos dos nove municípios das Terras de Trás-os-Montes.

Promovido pela Comunidade Intermunicipal das Terras de Trás-os-Montes e apoiado pelo programa operacional Norte 2020, o Festival Improvável é o primeiro festival que abrange os nove concelhos das Terras de Trás-os -Montes.

Festival Improvável tem uma forte componente de envolvimento da comunidade local na conceção de projetos artísticos originais, pretendendo contribuir para a conservação e valorização do património e, paralelamente, para aumentar a respetiva visibilidade e o turismo cultural nas Terras de Trás-os-Montes.

 O festival teve início a 8 de julho no convento de São Francisco em Mogadouro, tendo já prosseguido com eventos em Vimioso (Igreja Matriz), Bragança (castelo), Mirandela (Paço dos Távoras), Miranda do Douro (Castelo) e Alfândega da Fé (Igreja Matriz de Sambade).

Nos dias 19 e 20 de agosto, terão lugar os últimos eventos desta edição, nos concelhos de Vinhais (Castelo) e Vila Flor (Fonte Romana).

Em todos os 9 concelhos da Comunidade Intermunicipal o Festival Improvável contempla três momentos: uma visita teatral, visita lúdica e exploratória do património, bem como dos mitos e vivências que lhe estão associados; um projeto artístico com a comunidade,  desenvolvidos com a comunidade local, com base numa residência que considera os valores patrimoniais e culturais e um concerto noturno, realizado sempre na envolvente do elemento patrimonial classificado.

Publicidade

Publicidade

Fonte desta notícia: CIM Terras de trás-os-Montes

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade