Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Exportações e turismo interno seguram economia do Norte

A taxa de desemprego do Norte aumentou para 7,9 por cento no 3.º trimestre de 2020. Na população jovem (15 aos 24 anos) a taxa de desemprego subiu de forma mais acentuada, para 24,3 por cento.

160

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Publicidade

A balança comercial de bens do Norte atingiu um excedente de 1.4 mil milhões de Euros no 3.º trimestre de 2020, um valor superior em 14,0 por cento ao do período homólogo de 2019. É necessário recuar até ao 1.º trimestre de 2018 para se observar um saldo mais elevado na Região.

O excedente resultou do valor das exportações de bens do Norte ter recuperado para 5.4 mil milhões de Euros no 3.º trimestre de 2020, um valor ligeiramente inferior ao do trimestre homólogo do ano anterior (3,3 por cento).

Em contrapartida, a taxa de desemprego do Norte aumentou para 7,9 por cento no 3.º trimestre de 2020. Na população jovem (15 aos 24 anos) a taxa de desemprego subiu de forma mais acentuada, para 24,3 por cento. Contudo, é de salientar o aumento do emprego nos trabalhadores com contrato sem termo (+2,6 por cento), nos adultos a partir dos 45 anos (+4,0 por cento), nos trabalhadores com o ensino superior (+10,0 por cento) e nos especialistas das atividades intelectuais e científicas (+23,2 por cento).

Os indicadores do NORTE CONJUNTURA revelam uma diminuição em 68 por cento de dormidas de não residentes (em Portugal), mas em contraponto regista o aumento das dormidas dos residentes nos estabelecimentos turísticos do Norte. Os dados revelam uma recuperação significativa em agosto para um valor praticamente igual ao do período homólogo de 2019.

Os dados são destaque do relatório trimestral Norte Conjuntura .

Publicidade

Fonte desta notícia: Norte Conjuntura

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade