Informativo Digital

Crescimento das exportações dispara na Região do Norte

Exportações de bens da Região do Norte crescem 95 por cento entre abril e julho de 2020 e ultrapassam o valor anterior ao da crise pandémica.

188

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Publicidade

Após uma quebra significativa da economia regional durante o período de confinamento, são visíveis os primeiros sinais de retoma. As exportações da Região Norte dispararam em 95 por cento entre abril e julho de 2020, atingindo o valor de 2040 milhões de Euros e superando o crescimento da média nacional (em torno de 71 por cento).

Sendo ainda que, em Portugal, o valor das exportações em julho era ainda inferior ao registado em janeiro, pelo que resulta que a resiliência do setor exportador da Região do Norte em contexto de crise foi superior à nacional. Os dados são destaque do relatório trimestral Norte Conjuntura.

Os indicadores do NORTE CONJUNTURA dão igualmente nota do aumento do salário médio líquido da Região e da sua tendência de convergência relativamente ao salário médio nacional. A diferença entre o salário nacional e o da Região foi de 43 Euros, a menor diferença desde que existem registos sobre remunerações por NUTS II.

Numa nota menos positiva, a publicação refere o aumento do número de desempregados inscritos nos Centros de Emprego da Região do Norte, o qual cresceu 20 por cento relativamente ao período homólogo de 2019. Esta variação foi, ainda assim, inferior à observada à escala nacional (30,6%).

Norte Conjuntura, relatório trimestral que apresenta as tendências da evolução económica na Região, no curto prazo, está disponível on-line em www.ccdr-n.pt/norte-conjuntura.

Publicidade

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade