Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

CPLP abraça Rede de Embaixadores Alumni UTAD

O programa de bolsas de estudo entrará em vigor no ano letivo 2024/25, dando cumprimento aos objetivos da Rede de Embaixadores Alumni UTAD: reforçar a cooperação com instituições associativas e empresarias, desenvolver atividades de mentoria e promover oportunidades de emprego e de empreendedorismo.

210

Publicidade

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) estreita laços com a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), lançando um programa de bolsas de estudo para apoiar a formação e a qualificação de jovens da lusofonia em diversas áreas-chave, da educação às engenharias, da saúde e bem-estar à economia e gestão. Esta iniciativa conta com o envolvimento de várias empresas da CPLP.

“O programa de bolsas de estudo é mais um exemplo do trabalho magnifico que UTAD tem feito no acolhimento e na qualificação dos estudantes de países lusófonos. Queria deixar uma palavra de reconhecimento e agradecimento pelo esforço e, sobretudo, pelo ensino de qualidade”, refere o secretário-executivo da CPLP, Zacarias da Costa, de visita à academia transmonta.

O programa de bolsas de estudo entrará em vigor no ano letivo 2024/25, dando cumprimento aos objetivos da Rede de Embaixadores Alumni UTAD: reforçar a cooperação com instituições associativas e empresarias, desenvolver atividades de mentoria e promover oportunidades de emprego e de empreendedorismo.

“A aposta no espaço da lusofonia é uma das grandes prioridades da estratégia de internacionalização da UTAD. Queremos promover o desenvolvimento de parcerias com entidades públicas e privadas, com associações empresariais e comerciais, federações e confederações do espaço da CPLP, as quais, no âmbito da sua responsabilidade social, vão apoiar e financiar este projeto. Pela formação e pela experiência profissional, pela sua lusofonia militante, o Filipe Lourenço, nosso antigo aluno e o mais recente embaixador Alumni UTAD, será o seu principal mentor”, salienta o vice-reitor para a Internacionalização, Luís Leite Ramos.

Na véspera do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades, a UTAD atribuiu o título de Embaixador Alumni da UTAD para a CPLP a Filipe Lourenço, que se junta assim aos 37 embaixadores espalhados por 28 países, desde a América à Ásia, passando pela Europa, África e Oceânia. Licenciado em engenharia civil pela UTAD e diretor da PROCIFISC – Engenharia e Consultadoria, Filipe Lourenço ficará responsável por apoiar a implementação deste programa de bolsas, estreitando a ligação entre a UTAD e as empresas da CPLP. Em 2018, o antigo estudante da UTAD fez nascer a União de Jovens Empresários e Empreendedores (UJE) da CPLP, com o objetivo de promover e dinamizar as relações entre jovens empresários e empreendedores, assim como com as Uniões, Associações, Federações e Confederações no âmbito espacial da lusofonia.

“A UTAD é o sítio certo para desenvolver este projeto. É um orgulho pertencer à rede de Embaixadores Alumni da UTAD e poder contribuir para a implementação do programa de bolsas de estudo, onde, enquanto mentor, poderei trabalhar naquilo que ainda não foi feito”, revela Filipe Lourenço.

Sobre a CPLP
Criada a 17 de julho de 1996, a CPLP é uma organização internacional formada por Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Aprofundar a cooperação entre os seus estados-membros em vários domínios (inclusive educação, ciência e tecnologia), concretizar projetos de promoção e difusão da Língua Portuguesa e promover a concertação político-diplomática entre seus estados membros, nomeadamente para o reforço da sua presença no cenário internacional, são os principais eixos de atuação da CPLP.
Eleito secretário-executivo para o biénio 2021-2023, Zacarias da Costa nasceu a 16 de janeiro de 1964, em Timor-Leste, e é licenciado em Humanidades pela Faculdade de Filosofia da Universidade Católica Portuguesa.

Publicidade

Fonte desta notícia: UTAD