Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

CIM das Terras de Trás-os-Montes mantém recomendação

Apesar de nos últimos dias a situação ter conhecido uma evolução mais favorável, o Conselho Intermunicipal entende ainda ser prematuro avançar para a realização de eventos de grande envergadura não passíveis de controlo.

336

Publicidade

O Conselho Intermunicipal CIM das Terras de Trás-os-Montes deliberou, por unanimidade, prorrogar até 15 de março a recomendação para a não realização de iniciativas que impliquem uma grande concentração de pessoas e consequentemente dificultem ou impossibilitem o controlo sanitário, criando condições favoráveis para a propagação do vírus da COVID-19. Apela também à população e entidades organizadoras que respeitem todas as normas sanitárias em vigor.

Recorde-se que a 12 de janeiro último, o Conselho Intermunicipal, tendo em conta a situação pandémica provocada pela Covid-19, emitiu uma recomendação que visava a não realização de grandes eventos, principalmente feiras temáticas, nos nove concelhos desta CIM.

Apesar de nos últimos dias a situação ter conhecido uma evolução mais favorável, o Conselho Intermunicipal entende ainda ser prematuro avançar para a realização de eventos de grande envergadura não passíveis de controlo.

A decisão foi tomada na última reunião do Conselho Intermunicipal, que decorreu a 09 de fevereiro, em Mogadouro e aplica-se aos concelhos de Alfândega da Fé, Bragança, Macedo de Cavaleiros, Miranda do Douro, Mirandela, Mogadouro, Vila Flor, Vimioso e Vinhais e prolonga o prazo desta recomendação até ao dia 15 de março, sendo esta passível de revisão sempre que a situação se alterar.

Publicidade

Fonte desta notícia: CIM das Terras de Trás-os-Montes

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade