Informativo Digital do Nordeste Transmontano

Balcão Móvel de Macedo de Cavaleiros vai levar bens de primeira necessidade e medicamentos às aldeias do concelho

A partir desta semana, e enquanto se justificar face ao estado de alerta em que o País se encontra, este serviço irá levar às freguesias bens de primeira necessidade e medicamentos, conforme as necessidades apresentadas por cada munícipe

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Em tempo de crise epidémica, em que o país está em estado de alerta e muito provavelmente passará para estado de emergência durante a próxima semana, o município de Macedo de Cavaleiros transformou o veículo do seu Balcão Móvel para prestar apoio social às comunidades rurais que vivem mais isoladas. A partir da próxima semana, o Balcão Móvel vai prestar um serviço em moldes diferentes e levar bens de primeira necessidade e medicamentos às aldeias de Macedo de Cavaleiros.

O anúncio foi feito no site do município, num comunicado que fundamenta a decisão no facto de “estarmos a viver tempos difíceis”.

Vivemos tempos difíceis em que é pedido a cada um de nós um esforço adicional para promover um isolamento social que contribua de forma ativa para o combate à propagação da Infeção por SARS-CoV-2 (COVID-19).

Porque temos noção de que a vida não pode parar, a autarquia decidiu reactivar o serviço do Balcão Móvel em moldes diferentes. A partir desta semana, e enquanto se justificar face ao estado de alerta em que o País se encontra, este serviço irá levar às freguesias bens de primeira necessidade e medicamentos, conforme as necessidades apresentadas por cada munícipe. Pretendemos com isto evitar deslocações dispensáveis, sobretudo em populações mais idosas e, por isso, de maior risco.

Assim, os interessados devem dirigir-se ao seu presidente de Junta e União de Freguesia dando conta os bens essenciais e medicamentos de que precisa, de forma a concentrar neste a listagem de todas as necessidades da freguesia.

Estas listagens serão posteriormente comunicadas à autarquia que irá elaborar a rota de distribuição em função das solicitações recebidas.

Este é um serviço excecional num tempo de exceção. O recurso ao mesmo deve ser feito de forma conscienciosa e apenas quando estritamente necessário”, informa a Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros.

Publicidade

Fonte CM Macedo de Cavaleiros
Comentários
carregar...

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade