Informativo Digital de Trás-os-Montes e Alto Douro

Ações de vandalismo derrubaram estátua emblemática do Parque Império de Mirandela

O Município já condenou publicamente “o ato de vandalismo” e comunicou o sucedido às autoridades locais “na expectativa de identificar o(s) infrator(es)”.

1.091

Publicidade

“A Bailarina” uma peça escultórica emblemática do Parque Império de Mirandela apareceu derrubada e fragmentada na manhã de ontem.

A autarquia diz que o ato se poderá dever a uma ação de vandalismo perpetrada de forma incompreensível, acontecimento que de quando em vez se repete na cidade.

A escultura “A Bailarina” é uma obra do artista António Paiva e vai agora ser restaurada para voltar ao local de origem.

O Município já condenou publicamente “o ato de vandalismo” e comunicou o sucedido às autoridades locais “na expectativa de identificar o(s) infrator(es)”.

O Município de Mirandela diz que através dos seus colaboradores trabalha diariamente “para garantir a segurança e o bem-estar de todos os mirandelenses. Desta forma, o Município reprova estas atitudes de vandalismo e apela à preservação, por parte de todas as pessoas, de todo o património público”.

Face a este acontecimento, fonte da autarquia afirmou não descartar a possibilidade de colocar câmaras de videovigilância nestes locais, a fim de poder garantir uma vigilância mais eficaz e garantir de forma efetiva a sua preservação.

Publicidade

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade