Informativo Digital do Nordeste Transmontano

A Região do Norte representa 41% do fundo aprovado nos programas do Portugal 2020

Além de vários elementos de análise em termos sub-regionais, a publicação destaca, igualmente, que o Programa Operacional Regional do Norte e o Programa Temático Compete são os mais presentes nos apoios comunitários à Região, representando mais de 32% e cerca de 30% do respetivo total, respetivamente.

0

A Região do Norte é a que maior expressão tem na execução dos programas do Portugal 2020, quando analisada a aprovação de financiamento dos diferentes programas do ciclo 2014-2020 com dados reportados a dezembro de 2019. A conclusão resulta da publicação da CCDR-N “NORTE UE – Dinâmicas dos Fundos Europeus na Região do Norte ”.

Quase metade do investimento apoiado no Norte de Portugal tem por destino o aumento da competitividade do tecido empresarial e da capacidade instalada de investigação, inovação e transferência de conhecimento. Trata-se de um apoio que, se já era absolutamente imprescindível para o reforço do nosso tecido económico, se mostrará ainda mais determinante para enfrentarmos a exigente conjuntura que se depara ao nosso território no quadro da crise sanitária e recessiva que atualmente vivemos e da ultrapassagem que necessariamente se lhe seguirá através de um pujante relançamento que terá de contar com o envolvimento de todos”, considera Freire de Sousa, Presidente da CCDR-N e Gestor do NORTE 2020.

Além de vários elementos de análise em termos sub-regionais, a publicação destaca, igualmente, que o Programa Operacional Regional do Norte e o Programa Temático Compete são os mais presentes nos apoios comunitários à Região, representando mais de 32% e cerca de 30% do respetivo total, respetivamente. No âmbito de tais Programas, as operações de mais expressiva monta são as que se reportam aos programas doutorais da FCT, ao projeto de reabilitação do Mercado do Bolhão pelo Município do Porto e às ações de formação profissional do IEFP, no primeiro caso, e às intervenções ferroviárias (Linhas do Norte, do Minho e do Douro) da Infraestruturas de Portugal, no segundo.

Publicidade

Comentários
carregar...

Este website usa cookies que permitem melhorar a sua experiência na internet. Pode aceitar ou recusar a utilização desta tecnologia Aceito Política de Privacidade